7.4.06

I lost my Sputnik

Only letters; count them, but forget spaces

I have lost my beloved Sputnik
In the vast journey of my life.
All is dark. While love slides away
I wander alone in the void.

6 comentários:

sputnik disse...

E ele deixou uma carta numa casa de estrelas. Lá vive um poeta italiano, muito célebre e famoso. A carta é o caminho, e nela está escrito "sputnik". Nas casas virtuais, como a casa das estrelas, os caminhos são separados por barras, para evitar que as letras se encontrem sem sentido e percam o rumo e a esperança.

sputnika disse...

Acho a casa de estrelas e encontro a porta... mas nao desvendo seus segredos. Os numeros nao falam comigo, por mais que eu converse com eles...

sputnik disse...

O rato não fala inglês.
Mas se sobre o mundo flutua
Segredos ocultos tereis.
A foto é vista da Lua.

sputnika disse...

vejo os segredos da lua, mas as cartas inglesas ainda nao falam comigo. Nao entendo que lingua falam...

sputnik disse...

Falam de letras, as cartas inglesas
Letras são pretas, contadas em linhas
Não é o espaço que guarda supresas
Mas letras soltas no verso sozinhas.

São tantas letras e números tantos
Elas são claras e falam de ti
Não busque palavras em outros cantos
São quatro linhas escritas aqui.

Breve seu tempo irá acabar
Se der nova dica vou me trair
Já penso tirar a carta do ar
Preciso deixar Sputnik partir.

Helder da Rocha disse...

It was a mere illusion. I lost nothing, since that which I lost, never was. But, while seeking the specter I believed had escaped, I found a planet, a world, a vast unexplored universe.