12.10.04

Concerto no Parque

John Neschling e a Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (OSESP) - Foto de Helder da Rocha
Domingo, dia 10, houve concerto no Parque do Ibirapuera. A Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (OSESP), regida por John Neshling e o pianista Nelson Freire executaram obras de Tchaikovsky, Grieg, Guerra-Peixe e outros. Houve bis e participação da platéia (que resistiu à brusca mudança de temperatura do domingo). Foi muito bom.

Fazia tempo que eu não assistia a um concerto da OSESP. Até o ano passado, eu assistia a pelo menos dois concertos por mês na Sala São Paulo, geralmente aos sábados. Este ano, estou dando prioridade ao teatro. Mas não tem só concerto nos sábados, o problema é que tenho viajado durante a semana. Sempre que amigos que gostam de arte vêm à São Paulo, procuro levá-los à Sala São Paulo. Se você mora em São Paulo e nunca foi na Sala São Paulo, ou se é de fora e estiver visitando a cidade, aproveite para conhecer uma das melhores orquestras do mundo. O ingresso não é caro. Só a visita à Estação Júlio Prestes já valeria à pena. Tente ficar nas laterais em baixo, perto da frente, do lado esquerdo. Eu também gosto de assistir do coro, quando está disponível. É barato (menor preço), fica mais perto dos instrumentistas e de frente para o regente. Só perde-se um pouco quando há um solista (que fica de costas), ou quando os metais (mais próximos) concorrem com as cordas. Veja a programação de 2004 em http://www.osesp.art.br e compre com antecedêcia (esgotam rápido). São vários concertos por semana com repertórios variados. Sempre vale a pena.

Agora tem música no Fotolog. Para ouvir trechos de gravações das mesmas músicas executadas no concerto, visite
http://www.fotolog.net/helder_da_rocha/?pid=7908857.
Lá eu postei algumas fotos com trechos das músicas (um minuto e meio em MP3) e falei um pouco sobre os compositores.

Eu não abandonei este blog. Passei duas semanas em Goiânia dando aulas de programação. Esta semana voltarei a publicar textos com mais freqüência.

Nenhum comentário: